Peixe aterrorizante de “À procura de Nemo” é filmado pela primeira vez

É possível que muitos que assistiram ao filme “À procura de Nemo” acreditem que aquele peixe aterrorizante com dentes pontiagudos e uma espécie de lanterna na cabeça é fruto da imaginação dos produtores da Disney e da Pixar. Mas a verdade é que a criatura realmente existe e recebe o nome de “Diabo Negro do Mar”.

Este vídeo, por incrível que pareça, é feito para os cientistas que nunca tinham conseguido capturar imagens do peixe nas profundezas do oceano.

A gravação foi realizada no aquário do Instituto de Investigação da Bahia de Monterey, na Califórnia, por meio de um veículo equipado com uma câmera e operado remotamente.

A peculiar criatura pertencente à família dos Loplüifornes provou ser bastante escorregadia.

Segundo informou um dos cientistas do instituto em 25 anos de busca pela bahia de Monterey, o peixe só foi visto em três oportunidades. Agora, por fim, há um registro em vídeo para que todos possam vê-lo em seu habitat natural.

No vídeo o cientista Bruce Robison do Instituto Monterey explica:

“Esses peixes possuem um notório aparato em suas cabeças: uma vara de pescar com um anzol luminoso na ponta, que utilizam para atrair sua presa. Na obscuridade das águas profundas, o feixe de luz atrai a presa até a boca do peixe. Quando um peixe ou lula nada até a luz ele é rapidamente devorada pela boca enorme da criatura, com seus dentes grandes e afiados.”
 

Devido ao formato de seu corpo, fica evidente que o peixe não ganha em velocidade, já que é um predador que precisa enganar a presa para sobreviver.
A criatura que aparece no vídeo foi filmada a 600 metros de profundidade é uma fêmea. Os machos não possuem a “vara de pescar luminosa” em sua cabeça nem a habilidade de caçar. O único propósito dos machos é encontrar uma fêmea para acasalar. Como se pode notar, a fêmea do vídeo está com um dentre quebrado.

Partilha com os teus amigos!

Deixa o teu comentário